Nos tempos da boemia paulistana

Você sabe por que um dos sandubas mais conhecidos da cidade de São Paulo chama-se Bauru? Porque a receita era o pedido preferido de um estudante de Direito da Faculdade São Francisco, que sempre fazia um “pit stop” no (hoje) tradicional PONTO CHIC - o nome é uma homenagem a sua cidade natal, Bauru, no interior de São paulo. Claro, isso na década de 1920, em plena ebulição cultural na cidade, por conta da Semana de 1922.


E para mostrar esta, e outras histórias, a Editora Senac São Paulo publica Ponto Chic - um bar na história de São Paulo, de autoria do jornalista Angelo Iacocca. O lançamento acontece dia 24 de março – data em que o bar completa noventa anos –, a partir das 17 horas, no bairro de Perdizes (Largo Padre Péricles, 139). Para quem quiser provar o imbatível sanduíche, o endereço do Ponto Chic está aqui.

Serviço:

Ponto Chic – um bar na história de São Paulo
Autor: Angelo Iacocca
Editora: Senac São Paulo
Preço: R$ 49,90
Número de páginas: 242

Lançamento:
24/3, sábado
Horário: 17 horas
Local: Ponto Chic – Perdizes. Largo Padre Péricles, 139

Outras seções de autógrafos:
27/3, 3ª, às 19 horas, unidade Paraíso - Praça Oswaldo Cruz, 26.
30/3, 6ª, às 19 horas, unidade Paissandu - Largo do Paissandu, 27.

Nenhum comentário:

Postar um comentário